Quarenta e um

Postado em Atualizado em

Já vai umas décadas...Segundo a Wikipedia, o 41 é o número natural que segue o 40 e precede o 42. É o 13º número primo, depois do 37 e antes do 43. É o 7º número primo de Sophie Germain e o 3º número primo de Newman-Shanks-Williams, seja lá o que isso for.  Pelo polinômio f(n) = n2 + n + 41 obtêm-se primos quando n está entre 0 e 41. É a soma de dois quadrados, 41 = 42 + 52.  É a soma dos primeiros seis primos, e a soma de três primos consecutivos, 41 = 11 + 13 + 17.  É o número atômico do nióbio (Nb), que é  usado em alguns aços inoxidáveis,  em soldas elétricas e na produção de joias como, por exemplo, os piercings.

Aos 41 anos, Celine Dion anunciou sua segunda gravidez e Suzy Rego anunciou que ia ser mãe também. Aos 41 anos, Adãozinho encerrou a carreira no Bragantino. A top model dinamarquesa Helena Christensen provou em um ensaio nua que, aos 41 anos, ainda é capaz de fazer os homens perderem o rumo.  Os atores Irving São Paulo e Thales Pan Chacon morreram aos 41 anos. Aos 41 anos, o folclórico goleiro Higuita voltou ao futebol. Aos 41 anos, Glauber Rocha filmou “A idade da terra”.  Lima Barreto morreu aos 41 anos.  Djalma Santos encerrou a carreira somente aos 41 anos, no Atlético-PR. Lya Luft começou sua carreira literária aos 41 anos. Há 41 anos morreram Manuel Bandeira, Vicente Celestino, Assis Chateaubriand e Yuri Gagarin. Há 41 anos o escritor japonês Yasunari Kawabata ganhou o Nobel de Literatura.

Há 41 anos os estudantes mudavam a França. Há 41 anos começava a Primavera de Praga. Há 41 anos começava a Guerra do Vietnã.  41 anos atrás as mulheres queimaram sutiã na praça e os hippies mudavam o conceito de normal. Há 41 anos Martin Luther King foi assassinado. 41 anos atrás foi feito o primeiro transplante de coração na Europa e o primeiro no Brasil, pelo Dr. Zerbini. Foi há 41 anos que mataram Bob Kennedy. Foi há 41 anos que o Rio de Janeiro viu a passeata dos Cem Mil, em plena ditadura. 41 anos atrás os Beatles lançaram Yellow Submarine, o filme. Há 41 anos foi lançada a Apollo 7, cuja missão foi a primeira televisionada. Há 41 anos a nave espacial Apolo 8 foi colocada numa órbita circular em torno da Lua. Há 41 anos Aristóteles Onassis e Jacqueline Kennedy casam-se na Grécia.  Há 41 anos foi lançado o Chevrolet Opala no Brasil. Há 41 anos o jornalista e deputado federal Márcio Moreira Alves, do MDB carioca, fez um discurso no Congresso criticando a ditadura militar. Márcio ironizou os militares, pedindo para as jovens moças evitarem dançar com cadetes, o que irritou os generais. O Presidente Costa e Silva decretou o AI-5 – Ato Institucional número 5 -, dando início ao período mais fechado e violento da ditadura militar no Brasil. O Ato, que durou dez anos, foi motivado pela recusa do Congresso Nacional em condenar o deputado por seu discurso.

Há 41 anos nasceram Cuba Golding Jr, Carolina Ferraz, Liza Marie Presley, Daniel Craig, Mara Maravilha, Ashley Judd, Sandra Annenberg, Will Smith, Brandan Fraser, Luciano Safir e eu.  1968 foi um ano e tanto.

Nasci no dia do sexo: 06 de setembro. Nesses 41 anos eu convivi com quatro irmãos maravilhosos, um pai e uma mãe sem igual. Brinquei na rua quando criança. Tive vários cachorros. Tomei banho de igarapé dentro da cidade. Joguei muito futebol na rua e fui mascote do Fast Club, com foto na capa do disco e tudo.  Fui campeão amazonense de futebol de mesa. Estudei em escola pública. E em escola salesiana,  eu e quarenta meninos.  Depois em escola de freiras, eu e quarenta meninas. Sempre CDF. Chorei na copa da Espanha, mas vi o Brasil ser campeão do Mundo duas vezes.  Dei aulas de inglês em cursinho, dirigi um fusca 76, fui professor de escola da prefeitura no São José à noite. Dei cabeçadas. Ousei sem arrependimentos. Fiz faculdade de Letras e, recém-formado, passei no concurso de professor da Universidade Federal. Tive meu primeiro computador em 1986 e o primeiro celular em 1993. Chorei quando o Senna e o Tancredo morreram. Viajei muito. Namorei pouco. Casei muito. Casei três vezes. Para sempre. Nos dois primeiros não deu.  Flutuei de amor. Chorei de amor. Fiz mestrado. Quase morri num acidente em 1999. Morei em Campinas. Fiz doutorado em Linguística. Perdi minha vó, um grande vazio. Quitei um apartamento. Fui subsecretario de educação de minha cidade. Conheci o céu e o inferno da política. Muitos amigos, poucos de fé, várias decepções. Tive milhares de alunos. Perdi a conta, nunca o encanto. Escrevi livros e plantei árvores. Com a mulher que vai ser minha viúva, eu tive duas filhas : as minhas melhores obras, de longe.

É. Já valeu a pena.

6 comentários em “Quarenta e um

    Erica Franzon disse:
    06/09/2009 às 01:30

    Encantada com seu texto, sua sensibilidade. Antes de tudo, parabéns. Deve ser lindo completar anos num domingo e, principalmente, 41. Bela conjunção de números.

    Morslupus disse:
    06/09/2009 às 02:08

    Muitas coisas vividas… Plantou arvores, escreveu livros e teve filhos… Tudo isso com apenas 41 anos!!!
    Feliz aniversario e parabéns pelo seu dia!
    Valeu “mano”!!!

    Adrienne disse:
    06/09/2009 às 13:44

    Depois o senhor me explica o que tem por trás desse texto, mas deixe-me aproveitar minha ingenuidade para dizer que achei (mais uma vez) o seu texto simplesmente SENSACIONAL!! Quando eu crescer, quero ser que nem o senhor.
    Parabéns por hoje e que Deus o abençoe, juntamente com sua família!

    Suzi disse:
    12/09/2009 às 16:09

    Metade de uma vida^^

    Suzi disse:
    22/09/2009 às 17:19

    Professor, tentei achar seu e-mail em algum ponto do seu site e não encontrei…[será que faltou procurar mais?].
    O caso é que, queria falar com o sr. sobre o Mestrado…Já que o coordenador do dep. não sabe dar as informações de que preciso..e a única pessoa , confiável, que ouvi falar ‘desse assunto’ foi o sr., achei que deveria lhe perguntar: as inscrições vão abrir em outubro mesmo? Com quem posso falar sobre isso? Enviei um e-mail ao professor Gabriel,mas até agora nada dele responder.
    Espero que não seja tão ocupado ao ponto de não checar seus e-mails/comentários do weblog e etc…

    meu e-mail , para qualquer informação que queria partilhar:
    suzilima.emy@gmail.com

    Renato Rostás disse:
    04/10/2009 às 08:37

    Elogiar seria redundar, não vou fazer isso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s