Ajustes

Postado em

“A vida é uma troca. Sim, as pessoas devem tratar diferentemente quem lhes trata diferente. Isso não quer dizer tratar mal. Não. Não se pode cair na falácia da simplificação da Lei de talião. Não é olho por olho, nem dente por dente. Às vezes é olho por dente. Quem nos trata com agressividade, inveja, rancor ou qualquer sentimento ruim não pode fazer com que os tratemos assim também de volta. Fazer isso é se apequenar. Fazer isso é alimentar um jogo nocivo. No entanto, é preciso saber valorizar quem de fato se importa, quem de verdade faz bem, quem verdadeiramente traz a paz, quem deita em nosso chão a serenidade. É necessário desguiar-se de quem oferece a inquietude, o conflito, o bafo quente da discórdia. Essas são pessoas que devemos deixar pelo caminho. Sem cuspir-lhes nas faces. Mas sem afago cristão também. Sem culpa alguma. A escolha não é nossa. As pessoas escolhem e devem aproveitar o bônus e arcar com o ônus de suas decisões. Para viver em paz é preciso, de tempos em tempos, fazer ajustes na nossa convivência. E em qualquer ajuste, pontas ficam necessariamente no chão. Que fiquem. Olhar para baixo é virar estátua de sal. Vida que segue. Porque é só uma.”   SF

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s